top of page

Dor Orofacial e DTM

mulher-jovem-com-dor-na-mandibula-dtm-atm-1625504224746_v2_4x3.jpeg

DTM

Dor orofacial é toda dor localizada na cavidade oral e na face, podendo ser referida na região de cabeça e pescoço. O diagnóstico bem realizado é de grande importância, pois seus sintomas podem estar associados à dores na cervical, dor de cabeça, e até doenças neuropáticas: fibromialgia, artrite reumatóide, câncer etc. A maioria das dores orofaciais têm origem odontogênica (dente) e de Disfunção Temporomandibular.

DTM é definida como um conjunto de distúrbios que envolvem os músculos mastigatórios, a articulação temporomandibular (ATM) e estruturas associadas. Os sinais e sintomas mais comuns são: dores na face, ATM e/ou músculos mastigatórios, dores na cabeça, no ouvido, limitação de abertura bucal (travamentos) e ruídos articulares (estalos ou crepitação). O zumbido no ouvido  também pode estar presente.

Bruxismo

O bruxismo - este nome tem origem do termo grego Brychein, que significa ranger os dentes, é um hábito parafuncional (sem finalidade funcional) que consiste em apertar ou ranger os dentes de forma involuntária diurna ou noturnamente.

Apesar da origem multifatorial, estudos recentes mostram uma relação direta com fatores emocionais.

Além do desgaste dos dentes e danos às estruturas de suporte, com perda óssea e retrações gengivais, o paciente com bruxismo apresenta de três a quatro vezes mais chances de desenvolver Dor Orofacial e Disfunção Temporomandibular do tipo muscular e articular, caracterizada por artralgia, presença de sons, como estalido e travamento mandibular. 

bruxismo_edited.jpg
bottom of page